O famoso site americano “Consequence of Sound” elegeu como “Música da Semana” a faixa “This Love (Taylor’s Version)”. Confira a matéria original clicando aqui e traduzida abaixo:

Nesta semana, Taylor Swift parece estar sinalizando que o retorno do álbum 1989 está bem perto com o lançamento de “This Love”.

Sim, nós sabemos que não há nada oficial ainda que estamos entrando novamente na era 1989 – mas enquanto isso não acontece, Taylor Swift compartilhou a regravação de um dos seus tesouros escondidos do álbum que foi sua grande metamorfose para o pop.

“This Love (Taylor’s Version)” se junta a “Wildest Dreams (Taylor’s Version)” como a mais recente prévia do 1989 (Taylor’s Version). Destaque do trailer da nova série do Prime Video, chamada “O verão que mudou minha vida”, foi uma forma maravilhosa de lembrar como a Taylor sempre foi autenticamente capaz de capturar a magia, devastação e fantasia de um romance.

Além disso, e talvez uma das melhores coisas sobre as regravações – que basicamente deixam as escolhas da produção e da mixagem intactas – é o fato dos vocais da Taylor terem evoluído nesses últimos anos, assim como a base de seus fãs aumentaram nessa caminhada com ela. “This Love (Taylor’s Version)” passa a maior parte do tempo em notas vocais mais baixas, onde Taylor costuma se destacar.

Sempre há algo sentimental sobre os lançamentos das regravações: Fearless, que conta com faixas nostálgicas como “Fifteen” e “Love Story”, talvez tenha sido o pico de emoção quando se trata de revisitar a discografia (Sim, isso inclui “All Too Well’). É comovente ouvir uma artista que passou tanto tempo nos olhos do público e parece estar em uma fase da sua vida que rende os seus melhores trabalhos até hoje, visitando novamente espaços que foram, sem dúvida, tumultuados e emocionantes ao mesmo tempo. It’s miserable and magical, não é?

A magia particular do ‘Taylor’s Version’ é ver Taylor entrar nessas eras como um velho cardigã. Pensando nesse momento, o traje do 1989 seria elegante e um pouco brilhante; provavelmente teria vários shorts de cintura alta, um cropped e óculos de sol. Taylor Swift, assim como qualquer um de nós, cresceu e evoluiu – mas é muito legal a assistir voltar para esses lugares do passado de qualquer maneira, desde que ela escolha habitá-los novamente.





Twitter do site

Instagram do site

[instagram-feed]
Facebook do site