11 de agosto de 11 Autor: Airton
Taylor Swift fala sobre Louis Messina à Billboard

Recentemente, Taylor Swift concedeu uma entrevista exclusiva ao site da revista Billboard, que foi feita pelo correspondente Ray Waddell em Nashville.

Na entrevista, Taylor fala sobre como é trabalhar com Louis Messina fundador do The Messina Group, patrocinador oficial da Speak Now World Tour. Leia a matéria abaixo traduzida e em seguida veja em nossa galeria duas fotos que Taylor tirou com Louis Messina enquanto esteve em Nova York, no final do mês passado.

Taylor Swift está trabalhando com um cara que “apenas sabia” que ela iria lotar estádios algum dia, como ela disse a Ray Waddell:

“A primeira vez que encontrei Louie, eu tinha 17 anos e era o ato de abertura na turnê do George Strait. Eu estava muito animada por estar [fazendo show] em uma arena, e iria ficar horas vagando pelos corredores tentando conhecer todos que estavam trabalhando também naquela turnê.

Uma noite, conheci esse cara jovial e amigável chamado Louie Messina, que eu já sabia ser o promotor da turnê.

O que me pareceu tão estranho e maravilhoso sobre ele, era que Louie parecia não ter preocupação com nada nesse mundo. Ele não chegou como se tivesse algo pra se estressar ou como se devesse estar em algum outro lugar, ele veio falando em seu próprio ritmo relaxado e sobre coisas otimistas e sobre seu amor genuíno para com os shows ao vivo.

Depois, alguém me disse: “Sabe, esse é o cara que tirou Kenny Chesney de ato de abertura e o transformou em um artista que lota estádios.”

A forma como ele se portava em sua conversa comigo nos bastidores mostrava que ele parecia estar feliz e grato por estar lá.

É por isso que todo mundo adora ter Louie ao redor. Ele é seu amigo que está sempre pronto pra sair com você e falar sobre música. O fato de ele ser um dos maiores promotores de shows do mundo passa despercebido.

De volta quando eu ainda estava abrindo shows em turnês como de George Strait, Kenny Chesney e Brad Paisley, de alguma forma Louie “simplesmente sabia” que um dia eu iria ter a minha própria turnê.

Louie me dizia com confiança: “Em poucos anos, você vai estar lotando estádios também.”

Quando ele me pegou como uma cliente, fiquei tão feliz de estar com alguém que acreditava honestamente nesses sonhos loucos que eu não tinha sequer me atrevido a sonhar ainda.

Ele nunca me deu qualquer conselho ou ordens, apenas estas premonições loucas e otimistas do que ele “sabia” que seria um dia. Ainda é difícil acreditar que ele está certo sobre todas elas.

A confiança que tenho em Louie e sua equipe não tem preço para mim. Não há realmente nada como confiar nas pessoas com quem se trabalha. Nós começamos com teleconferências muito antes de sair em turnê, analisando meticulosamente todos os mercados e os motivos pelos quais iriamos tocar ali naquele exato momento.

Como um amigo, Louie se tornou uma das minhas pessoas favoritas para tocar música novas. Ele é um cara musical, um grande fã de letras e melodia. Suas respostas são sempre as que eu mais amo, por isso há sempre uma proximidade entre minha equipe e a  dele.”

Fotos:





Twitter do site

Facebook do site

Scroll Up