As vendas de CDs nos Estados Unidos aumentaram pela primeira vez em quase duas décadas, em parte, por causa dos álbuns de Taylor Swift, Adele e BTS.

No relatório de fim de ano do MCR Data, compartilhado pela Billboard, as vendas de CDs cresceram 1.1% de 2020 para 2021, com 40.59 milhões de álbuns vendidos em 2021 (em 2020, foram vendidos 40.16 milhões).

A segunda maior venda de CDs nos Estados Unidos foi a regravação de Taylor Swift, “Fearless” (263 mil cópias), seguida da regravação de “Red” (237 mil cópias). O álbum “evermore”, lançado no final de 2020, também aparece na lista dos 10 CDs mais vendidos do ano passado, com 213 mil cópias comercializadas.

Veja, abaixo, a lista completa:

  1. Adele, 30 (898,000)
  2. Taylor Swift, Fearless (Taylor’s Version) (263,000)
  3. Taylor Swift, Red (Taylor’s Version) (237,000)
  4. Carrie Underwood, My Savior (217,000)
  5. TOMORROW X TOGETHER, The Chaos Chapter: Freeze (215,000)
  6. Taylor Swift, Evermore (213,000)
  7. NCT 127 – Sticker: The 3rd Album (211,000)
  8. BTS, Map of the Soul: 7 (210,000)
  9. Olivia Rodrigo, Sour (195,000)
  10. BTS, Be (187,000)

Apesar desse aumento, a venda de vinis nos Estados Unidos superou a de CDs pela primeira vez desde que o MCR Data começou a informar as vendas anuais, em 1991.

Matéria publicada pelo NME e traduzida e adaptada pela Equipe TSBR.





Twitter do site

Instagram do site

Facebook do site