06 de janeiro de 22 Autor: Maria Eloisa Barbosa
Saiba tudo sobre os antigos pets de Taylor Swift

Todo mundo sabe que Taylor é fanática por gatos! A loirinha tem, atualmente, três felinos: Meredith, Olivia e Benjamin, adotado mais recentemente, em 2019 (temos um post sobre o assunto que pode ser acessado aqui). Porém, antes deles, a cantora já foi mãe de outros bichinhos. Fizemos uma lista especial com os antigos pets de Taylor:

Indy

Indy foi uma gatinha siamesa que Taylor teve quando era mais nova. Ela falou a respeito em uma entrevista para o CMT, em 2007, e afirmou que a felina odiava todo mundo de sua família menos ela. No dia 5 de janeiro de 2009, Swift fez até um post em seu blog no MySpace citando Indy:

“Estou sentada na minha cama e minha gata está sentada ao meu lado RONCANDO tão alto … E estou tentando não rir, porque assim vou acordá-la. É tão incrível. Você simplesmente não espera que gatinhos ronquem assim. E, periodicamente, ela tem sonhos estranhos em que ela está correndo em um campo ou algo assim (não tenho ideia com o que os gatos realmente sonham, isso é apenas uma teoria) … Então ela está roncando e se contorcendo e movendo as patas… É hilário. Tentei ligar para Abigail para que ela pudesse ouvir, mas ela está na faculdade, provavelmente está estudando ou fazendo algo mais legal do que ver um gato roncar”.

Em uma live de 2008 (na qual ela mostra Indy), a cantora afirmou que em alguns dias a gata era extremamente feliz e em outros bem rabugenta.

Bug e Baby

Na mesma entrevista para o CMT citada anteriormente, Taylor contou sobre os dois cachorros dobermans que tinha, Bug e Baby. “Eles são muito amáveis, mas se você entrar, eles vão te comer”, brincou. Em um vídeo postado pela Taylor em setembro de 2015 no Twitter, aparentemente, era o Bug que estava junto dela.

O bichinho ainda apareceu num vídeo em que Taylor está assistindo aos anúncios do CMA , em um dos vlogs da Fearless Era e em fotos do lyric video de “Hey Stephen (Taylor’s Version)”. Em uma live de 2008 (aproximadamente 7min40s), Taylor contou sua história com o cachorrinho e disse que ele era muito fofo: “Pegamos Bug quando estávamos em Los Angeles, eu tinha 15 anos de idade, estávamos no shopping”.

Sem nome

Em algumas fotos de sua infância (como na capa do single “Christmas Tree Farm”), Taylor aparece ao lado de um cachorrinho branco. Infelizmente, não há muitas informações a respeito.

Ginger

Taylor cresceu cercada de cavalos, principalmente de um pequeno pônei shetland chamado Ginger, como revelado em uma entrevista para o CMT, em 2011. “Houve uma discussão crucial e dramática na qual eu tive que escolher a música em vez de cavalgar. Minha mãe sempre quis que eu andasse a cavalo porque era isso que ela amava. Mas em algum momento ela percebeu que eu não era tão louca por cavalos quanto era por cantar, e ela me disse: ‘Você não precisa cavalgar. Você só deve fazer isso se amar, não porque eu ame’”, explicou Swift.

Extra: Kitty

A mãe de Taylor tem uma fiel companheira: Kitty, da raça dogue alemão. A cadela marcou presença em cenas do Miss Americana, em um dos episódios do Taylor Swift Now (no qual Taylor revisita o cenário de “Love Story”) e diversas vezes no Instagram da loirinha. Ela também apareceu rapidamente em vídeo promocional de “Call It What You Want”.

“O nome da cadela da minha mãe é Kitty e ela não parece nada com um gato”, brincou Taylor uma vez.





Twitter do site

Instagram do site

Facebook do site