Em entrevista à Rolling Stone, Ken Ehrlich, um dos produtores do Grammy, conversou sobre a Academia, a última edição da premiação e Taylor. Ele afirmou que a cantora nunca confirmou que iria performar no evento.

Havia também um boato de que Taylor Swift havia cancelado a apresentação de sua música “The Man” por causa da notícias ruins em torno da Recording Academy. Isso realmente aconteceu assim?

Não. Ela nunca foi confirmada para performar. Eu a vi no início de janeiro no evento Women in Music da Billboard e disse: “Você quer se apresentar?” Ela disse: “Acho que não, não sei. Deixe-me pensar sobre isso”. Provavelmente 10 dias antes do evento, um de seus representantes me ligou e disse: “Taylor pensou nisso e ela quer estar lá no evento”. Eu disse: “Eu adoraria que ela estivesse lá. Vamos ver”. Eu a coloquei em uma reunião de análises que tivemos como TBD (a ser determinado). Como se viu, não me lembro da data, mas ela recusou. Ela não havia sido confirmada, então as manchetes que diziam “Taylor sai do Grammy” – isso não é verdade.

Chegamos ao ponto de falar sobre a performance; ela queria fazer algo no palco satélite com um violão e um banquinho, simples, então eu encaixei isso no show. Mas uma semana antes, ela recusou. Eles disseram: “Ela acabou de decidir que não pode fazer isso”.

Você pode ler a entrevista completa clicando no link.





Twitter do site

Facebook do site

Scroll Up