Se você é um ser humano e é um frequentador assíduo deste vasto universo chamado internet, provavelmente ouviu o nome ‘Olivia Rodrigo’ nos últimos meses. O lançamento do single de estreia da cantora e atriz de apenas 17 anos, que protagoniza a série ‘High School Musical: The Musical: The Series’ na Disney, foi extremamente comentado. ‘drivers license’ quebrou recordes incríveis – como o de música com mais streams em sua semana de estreia – e debutou direto no topo da Billboard. E isso sem álbum, apenas o debut single. Lendária!

E se engana quem pensa que o motivo de todo esse barulho é a famigerada fofoca acerca da inspiração para a música – composta inteiramente por Olivia. Bom, precisamos admitir: a especulação de que a canção foi feita para seu ex-namorado Joshua Basset  (que também é par romântico de Olivia na série da Disney) quando ele a trocou pela atriz Sabrina Carpenter foi um belo entretenimento. E a teoria se prova bastante real ao analisarmos a letra — Olivia já havia mencionado anteriormente que foi Joshua quem a ensinou a dirigir (daí o nome ‘drivers license’). Outros detalhes da composição também remetem ao relacionamento dos dois. De lá pra cá, Joshua lançou a música ‘Lie Lie Lie’, que mesmo podendo ter sido escrita antes dessa treta toda, foi encarada por muitos como uma resposta à Olivia. Ah, e Sabrina Carpenter também resolveu contar seu lado da história e lançou a música ‘Skin’, que faz claras referências à trechos de ‘drivers license’. 

Fãs especulam que nova música de Olivia Rodrigo traz indiretas para Sabrina  Carpenter e Joshua Bassett – TodaTeen

Mas a verdade é que foi o talento vocal e a composição excelente que fizeram de Olivia Rodrigo a artista mais jovem a alcançar um #1 na Billboard desde Billie Eilish e quebrar tantos outros recordes. A narrativa tão pessoal mas ao mesmo tempo tão relacionável e rica em detalhes impressionou ouvintes e críticos.

Para o The New York Times, o sucesso instantâneo do seu primeiro single foi uma junção de “qualidade, fofoca e marketing”


Soa familiar? Uma adolescente descrevendo um relacionamento frustrado que resultou em coração partido com riqueza de detalhes e quebrando recordes enquanto faz isso? Sim, Olivia — que se autodenomina uma grande swiftie na bio de seu site — seguiu os passos de Taylor Swift e se inspirou nela para começar a compor.

Em diversas ocasiões, Olivia expressou seu amor e sua admiração por Taylor. Inclusive, ela disse que juntamente com sua melhor amiga, tem até vontade de tatuar o número 13 na mão por causa de Swift. Confira algumas de suas declarações:

“Taylor Swift é minha ídola de composição e eu não seria metade da mulher e a compositora que sou hoje se não fosse por ela”.

“Eu a acho uma compositora incrível. Ela é tão eloquente e todas as suas músicas são claras, limpas e perfeitas, o que também é incrível. As músicas dela são tão impactantes”.

“Eu sou obcecada por Taylor Swift e falo sempre sobre ela como uma inspiração. O jeito que ela narra histórias é tão hábil e claro, e a maneira que isso evolui conforme sua carreira continua, e ela ainda permanece fiel a si mesma, é realmente inspirador”.

“Eu sou a maior swiftie do mundo inteiro e o fato dela ter feito isso realmente fez minha vida”.

“Eu sou obcecada com mulheres compositoras. Minha maior ídola de todos os tempos é a Taylor Swift. O jeito que ela conta as histórias e pinta cenários por meio das canções é infinitamente inspirador. Se um dia eu a conhecer acho que entraria espontaneamente em combustão”.

“Eu sou apaixonada por ‘Red’ de Taylor Swift e por ‘Pure Heroine’ de Lorde. Curiosamente, esses foram, na verdade, os dois primeiros álbuns que comprei em vinil quando tinha uns 11 anos. Eu dançava pelo meu quarto com eles o tempo todo. Eu os ouvia muito e tinha a tracklist memorizada. Ainda hoje, Lorde e Taylor são minhas maiores inspirações”.

“Eu totalmente cresci me vendo nela (…) ela tem essa carreira insana há mais de 15 anos, e ela conseguiu manter sua sanidade e sua ternura e sua bondade ao longo de tudo isso. Ela é uma contadora de histórias brilhante. Acho que esse é um nível de criatividade tão genial. Literalmente, cada álbum que ela fez é um álbum clássico que eu sinto que as pessoas ouvirão por cem anos. Ela é simplesmente imortal”.

“Eu sempre admirei Taylor, desde que eu tinha literalmente 5 anos. Obviamente, acho que ela é a melhor compositora de todos os tempos, mas ela é tão experiente em negócios. Foi realmente inspirador para mim ver alguém assumir o controle de sua carreira e vida desse jeito”.

“Ela é, eu acho, a maior compositora da nossa geração (…) ela pode pintar cenários e colocá-lo em uma situação e fazer você se sentir como se estivesse realmente vivendo com ela”.

“Eu amaria estar em estúdio com a Taylor. Eu não precisaria nem escrever com ela, eu só gostaria de assistir à maneira que ela faz porque eu acho que ela é genial”.

“Na verdade, estou com medo de conhecê-la. Ela parece a pessoa mais gentil do mundo. Eu literalmente acho que vou simplesmente evaporar”.

“Taylor é a melhor contadora de histórias da nossa geração, a maneira como ela pode transportar você completamente para outro lugar em uma música é incrível. Eu amo a maneira como ela está em constante evolução, permanecendo fiel a quem ela é e às suas experiências”.

“Eu sou a maior Swiftie e ela inspira cada música que eu escrevi. Ela é totalmente uma gênia, então ter sua bênção significou o mundo”.

E é claro que Taylor não deixaria de demonstrar seu apoio. A cantora comentou em uma publicação de Olivia no Instagram fazendo referência a um meme de sua mãe, Andrea Swift, no dia do seu aniversário. Elogiou Olivia e fez homenagem à Mamãe Swift de uma vez só. Icônica!

The Celebrities Loving Olivia Rodrigo's 'Drivers License' As Much As You –  From... - Capital
Olivia postou uma foto para celebrar que ‘drivers license’ estava bem do ladinho de Taylor no chart do Itunes. A loirinha então respondeu: “Eu digo que esse é meu bebê e eu estou muito orgulhosa”. Olivia tuitou: “Literalmente pensando em mudar meu nome para “Bebê da Taylor Swift”.
Alyssa — The that's my baby and I'm real proud gif HAS...

“Eu estava dormindo profundamente e meu amigo me ligou e eu disse, ‘Meu Deus, são 6 da manhã. Posso ligar de volta em duas horas?’ E ele estava tipo, ‘Não. Absolutamente não. Olha seu Instagram agora’. E na preguiça pelo meu sono, eu chequei meu telefone e ela comentou na minha foto e eu quase morri … quase morri. Literalmente, eu a admiro desde que me lembro, então foi tão gentil da parte dela fazer isso”, contou Olivia.

E essa não foi a primeira vez que Taylor se manifestou reconhecendo o talento de Olivia. No ano passado, a adolescente fez um cover de ‘Cruel Summer’ e a loirinha a repostou no stories. Gente como a gente, Olivia publicou sua reação nas redes sociais.

You Call It Madness, But I Call It Love — Olivia Rodrigo's reaction on her  Twitter and...
“Taylor Swift postou um vídeo meu cantando Cruel Summer nos seus stories do Instagram. Eu nunca vou parar de gritar. Eu vou emoldurar esse print e pendurar acima do berço do meu primeiro filho.”

Mesmo sendo muito comparada com Taylor, Olivia deixa claro que não é a nova Taylor Swift. “Porque nunca haverá outra Taylor Swift. Nem nunca houve ninguém tão bom quanto Taylor Swift. Ela é a melhor de todos os tempos”.

Depois de todos esses acontecimentos, as duas ficaram cada vez mais próximas. Olivia, junto com Conan Gray, foi responsável por divulgar várias prévias do Fearless (Taylor’s Version). A cantora ainda revelou que recebeu de Taylor uma carta escrita á mão de 10 páginas e o anel que a loirinha usou para escrever o Red (o qual Olivia faz questão de sempre usar, até para a capa do seu debut). “Não quero divulgar muito porque é muito fofa e pessoal. Mas ela fala muito sobre como, eu acho, você faz sua própria sorte no mundo. E que quando você faz coisas boas para os outros, coisas boas surgem em seu caminho”, disse para a Billboard a respeito da carta.

E o encontro das duas finalmente aconteceu no Brit Awards, em maio! Lindas demais, né?

Olivia relatou recentemente para o The Guardian e para o NME que a luta de Taylor com seus masters a inspirou a possuir os seus. “Eu adoro ouvir as músicas ‘do cofre’ e coisas assim. Eu vou possuir meus masters, mas para as músicas que não estou lançando, talvez eu faça uma coisa do tipo quando eu tiver a idade de Taylor Swift”.

Nesta última sexta-feira, Olivia Rodrigo lançou seu álbum de estreia, Sour. Há, inclusive, uma música que conta com a melodia de “New Year’s Day” e, por consequência, com Taylor e Jack Antonoff nos créditos. Olivia fez questão de agradecê-los no encarte.

Muito fofa! Você pode ouvir o álbum clicando aqui.





Twitter do site

Facebook do site

Scroll Up