03 de novembro de 15 Autor: Airton
Taylor dá 7 dicas para o sucesso, na Vogue

Capa da Vogue australiana de Novembro, Taylor Swift compartilhou sete dicas para o sucesso na carreira que, segundo ela, levaram-na a fama mundial. Confira a matéria traduzida:

1 – Não perca a autoconsciência

Foi depois de assistir Behind the Music, uma série de documentários do canal VH1 delineava carreiras musicais existentes, que Swift percebeu o que mantinha músicos no jogo. “Sempre parecia que o declínio de um artista era atribuído a uma combinação de coisas, mas eu notei os elementos principais eram perda de autoconsciência e fazer música ruim, normalmente com uma coisa levando a outra. Quando você perde a autoconsciência, você começa a pensar ‘Sou intocável, tudo ao meu redor ama tudo que faço, eu não tenho mais nada para provar para ninguém. Esse tipo de perda de autoconsciência pode ser tão perigosa.” Além disso, a ajuda a escrever. “É por isso que eu tenho dias em que tenho uma autoestima saudável e as coisas estão no seu lugar, e aí tem dias em que duvido de mim mesma e isso é ok, porque significa que você está vivendo uma vida humana, emocional, inalterada… Altos e baixos como uma compositora são muito importantes porque, sobre o que mais você vai escrever se você sinceramente pensa que é a melhor coisa na Terra?”

2 – Confie em seus amigos

“Acho que uma das principais metas em preservar minha noção da realidade é me manter rodeada de amigos que tem suas próprias carreiras e não precisam de mim para qualquer validação ou escalada social, ou significado em suas carreiras.”

3 – Esteja preparado para receber críticas

“Todos meus amigos estão consolidados em suas carreiras e portanto, se eles pensam que eu não deveria lançar um certo single como primeiro single, eles vão me dizer ‘Essa não foi uma das minhas favoritas dentre as que você tocou pra mim, Taylor’, e eu vou respeitar essa opinião. Acho que funciona para os dois lados;  seus amigos devem confiar na amizade para serem honestos com você, e então você tem que ser humilde o suficiente para aceitar essa honestidade.”

4 – Saiba quando parar

Apesar do sucesso de seu álbum atual, Swift sabe que virá um momento em que ela terá que dar um passo atrás. “Eu vou precisar dar um pouco de espaço longe de mim para as pessoas porque em um certo ponto, elas ficarão um tanto cansadas de ouvir sobre mim, e então eu vou precisar ir embora por um tempo e aí que dependendo da minha noção sobre o quão cansadas de mim elas estão, eu decidirei quando lançar o próximo álbum.” Ela tem a mesma perspectiva sobre o resto de sua carreira. “Se eu fosse dizer, ‘Ok, o que eu vou ser quando tiver 40 anos?’ Eu não tenho como saber, mas eu espero que eu ainda tenha música na minha vida. Meu melhor palpite é que eu estaria fazendo músicas para outras pessoas tocarem. Escrever é o que sempre vou precisar ter para me manter feliz, mas nunca se sabe o que pode mudar. Muito do que eu faço é baseado no que as pessoas querem. Nós somos ‘agradadores de pessoas’, por isso nos tornamos entertainers, então se as pessoas não querem que você vá para o palco mais em vestidos brilhantes cantando músicas para adolescentes com quarenta anos, eu não farei isso. Eu escreverei canções para outras pessoas ou farei um álbum que, com sorte, é sobre o que estou passando naquele momento da vida. É uma meta minha não tentar ser algo que eu não sou.”

5 – Lembre-se por que você está fazendo o que está fazendo

“Tem dias que eu estou tão exausta fisicamente como se eu tivesse tocando um punhado de shows e dançando sobre um salto alto por duas horas. Mas minha mente raramente se cansa de toda essa aventura que eu faço parte,” ela diz para Vogue. “Eu acho que entusiasmo é essencial para seguir em frente nessa carreira porque mesmo se você dá o passo maior que a perna, ou lança algo que as pessoas não gostam, ou acaba tendo as pessoas falando coisas negativas de você, se você é um entusiasta por natureza, você toma o golpe mas aí tem uma nova ideia e vai na direção dela. Então essa ideia é tudo que você tem em mente, e você está embebido nesse entusiasmo disfarçado de foco.”

6 – Escreva suas ideias num caderno

Você nunca sabe quando uma ideia pode vir a ser útil. Ela conta a Vogue como os versos de Blank Space vieram meses antes dela escrever a música. “Eu tenho essas ideias para letras e anoto uma linha num caderno. Quando eu estou escrevendo um caderno em seis meses, eu vou abrir o caderno e usar essas linhas. Eu tinha escrito aquelas frases por dois anos e eu apenas as retirei quando chegou a hora de escrever a música. ‘I’m a nightmare dressed as a daydream’ – Eu lembro dessa vir à cabeça sete meses antes – vamos por essa pouco antes do segundo refrão.”

7 – Não esqueça de se perdoar

“Eu sempre tenho que trabalhar com não me cobrar tanto pois eu tenho a tendência de pensar demais sobre as coisas… por exemplo, quando algo não dá certo, você pensa que é minha culpa, ou que eu não devia ter feito isso ou aquilo. Minha nêmesis é pensar demais. Alguns dias você está cansada e em outros dias você está de mau-humor então tudo bem. Eu estou melhor ultimamente em pegar leve comigo mesma e perceber quanto eu tenho um dia de autoestima baixa e isso é pelo quanto estou ansiosa e não porque todos me odeiam.  Algumas vezes você tem as melhores intenções mas comete erros.”

Fonte

 

 

 

 





Twitter do site

Facebook do site

Scroll Up