Há alguns dias postamos aqui os scans da revista britânica Bliss, da qual Taylor Swift é capa da nova edição. Na revista contém uma entrevista exclusiva com a Taylor, onde ela fala sobre amor, família, carreira e muito mais. Confira abaixo a entrevista completa traduzida:

O último ensaio fotográfico de capa que a Taylor Swift fez para a Vogue dos EUA foi poderoso, então nós da Bliss  enlouquecemos de excitação, pois ela nos convidou novamente para sua adotiva cidade natal, Nashville, por uma terceira vez para fazer uma capa exclusiva. Estamos num avião mais rápido do que rápido.

Meia-noite no aeroporto de Nashville, e nós espionamos uma propaganda imensa na tela sobre a Taylor Swift. No táxi para o hotel, o motorista é super animado por estarmos aqui por ela – Taylor é um tesouro. “Eu vou lhe dar um rápido passeio. É sexta-feira a noite em Nashville, você não pode deixar de ir até a Broadway“, diz ele, se transformando em um batedor de rua com as pessoas, música country estridente vindo de cada bar. Podemos ver porque Nashville é chamada Cidade da Música, e porque Taylor a tornou sua casa.

Passado rápido 12 horas e nós estamos em um estúdio de fotografia quando Taylor chega, com um look chique como sempre em uma camisa simples com uma combinação de calça. Com ela está seu personal cabeleireiro, maquiador, mãe e um guarda-costas assustador de aparência bonita (que evitava fazer contato visual com todos, para mais tarde avistá-lo relaxando um pouco mordiscando um empanado de frango. Ele é humano afinal) . Senhorita Swift vem para se apresentar, antes de desaparecer em seu camarim para experimentar as roupas com seu estilista. Em um ponto nós ouvimos a voz de Taylor pela porta, exclamando: “Mas eu tenho 22 anos!” É claro, tanto na nossa entrevista quanto na confiança dela na frente da câmera, mostra que aos 22 anos, ela é realmente ela mesma. Tanto que, como em Fifteen para o Fearless, ela escreveu uma música sobre as alegrias de sua idade para seu novo álbum, Red.

Nós assistimos Taylor apoiar as coisas dela na frente da câmera, cantando e dançando ao som de Nicki Minaj e Rihanna. Fotos feitas, ela se transforma em uma pessoa dos anos 60 – vestindo uma camisa coral combinando com uma fofa calça de couro bronzeado, e nós sentamos em seu camarim para fazer a entrevista cercados por sapatos. Tipo. Muitos. Sapatos.

Antes de começar, fizemos uma folha de adesivos de gatos para dar a ela. “Estes vão direto para a bolsa”, ela sorri, realmente animada. “Isso estará sempre a mão, sempre que eu precisar aleatoriamente de um adesivo de gato!” Garota que encanta nossos corações. É um pensamento que vem à nossa cabeça durante toda a entrevista – ela realmente é uma garota que você podia ver se tornando sua amiga, o que apenas confirma quando ela nos dá um grande abraço antes de sair, dizendo: “Eu logo estarei no Reino Unido. Eu tenho certeza que vou ver você por lá depois!”

Quando nós conversamos no  lançamento do Speak Now, você disse que estava esperando alguns e-mails estranhos de pessoas que se reconheceriam em suas canções – então, você os recebeu?

“Sim! [Risos] Para mim, eu apenas sinto que não é como se fosse um grande segredo eu escrever canções sobre a minha vida. As pessoas sabem que, quando se envolvem comigo, se nós temos algum tipo de relacionamento significativo, vai acabar sendo um caminho para inspiração deu um jeito ou de outro. Então, isso realmente não me incomoda se as pessoas agem chocadas, isso é o que eu faço porque é o que eu sempre fiz. [Risos] Eu não fico chocada quando eles fazem o trabalho deles! ”

Revele. De quem você recebeu e-mails?

“Eu não posso te dizer issoooooo! Mas eu sei que você tem que perguntar.”

Boom. Então, alguém já reivindicou a posse de uma canção e você ficou tipo, “Er… não era sobre você!”

“Não na mídia, eu acho. Mas eu ouvi outro dia que um dos meus ex-namorados estava ouvindo o rádio e disse na frente de um dos meus amigos, ‘Oh! ela escreveu essa sobre mim’, e meu amigo estava sentado lá pensando, ‘Não, ela não escreveu! Eu sei sobre quem ela escreveu essa e não foi sobre você! ” [Muitas risadas]

Brilhante! Alguma vez você já disse pessoalmente a alguém que não é sobre ele?

“Eu meio que deixo as pessoas pensarem o que quiserem pensar. Não tente lutar muito contra a fofoca ou os rumores porque isso só lhes dá mais vapor. Se há algo falso sobre você lá fora e você em seguida, comenta sobre isso, acaba gerando um outro ciclo de artigos. ”

Mas você dá pequenas dicas em mensagens escondidas em seu álbum, não é?

“Sim, mas eu nunca digo o primeiro e último nome! É interessante você trazer esse tema, eu estou no meio da criação dos códigos agora – O que é difícil, porque você não quer revelar muito, especialmente agora.”

Family Affair

Ouvimos dizer que a escrita do novo álbum foi inspirado na relação dos seus pais…

“Isso não é verdade,  é completamente 100% falso! [Risos] Você não será capaz de encontrar uma única canção neste álbum sobre os meus pais. ”

Você acha que é possível aprender com os erros de outras pessoas ou você tem que fazê-los você mesma?

“A maneira que a minha vida funciona, não importa quantas pessoas me dão conselhos, eu vou fazer o que meu coração me diz para fazer. Minha pessoa favorita para consultar algo é meu irmão – ele tem 20 anos e a coisa que ele sempre me diz é: ‘Você sabe que não há regras, certo?’ Eu sempre vou a ele com dilemas como: ‘Devo chamá-lo de volta? Devo respondê-lo? Devo dar a ele outra chance? ‘ E ele vai me perguntar, ‘ O que você quer fazer?”

Bom conselho, irmão Swift!

“É. Então eu acabo me sentindo como se houvesse um senso comum de quando você está realmente cansado de estar com alguém, e quando você está cansado de um relacionamento e quando é mais ruim do que bom. E isso é sempre quando eu sei como sair de algo que é prejudicial. Mas diferente de quando se trata de amor, você realmente tem que aprender da maneira mais difícil.”

Quanto você acha que o seu relacionamento com sua família mudou desde que você era uma adolescente?

“Tornou-se muito mais próximo, porque quando você é um adolescente, há uma série de coisas que você não pode fazer, e você sente como se desejasse poder crescer. A idade que eu sempre quis ter era 22, e agora que eu tenho 22 anos e eu tenho a minha própria casa, carro e regras, há uma liberdade lá que faz você realmente apreciar seus pais e apreciar o tempo que eu comecei a passar com o meu irmão. Meu irmão e eu costumávamos brigar como cães e gatos e apenas tentar brigar entre si e constantemente prejudicar o outro, e agora nós estamos dando apoio um ao outro. ” [Risos]

Você já desejou poder se rebelar e enlouquecer um pouco?

“Não é realmente quem eu sou. Eu me sinto muito feliz em poder fazer seja lá o que eu queira, e eu simplesmente, não acontece de eu querer ser malvada e retorcida e louca. Eu acho que ou você quer  fazer essas coisas ou você não quer. Eu tenho muita diversão com meus amigos e nós nos divertirmos muito – temos festas de dança, então eu não me sinto como se estivesse toda abotoada e nunca se divertisse. Eu só não tenho o tipo de diversão que os tablóides gostam de escrever sobre! Eu adoro cozinhar, adoro chegar com novas receitas para cozinhar, como massas. E eu tenho feito um monte de geleia ultimamente – geleia de amora, que tem sido tão bom. Eu adoro ela, é muito divertido. Se eu estou estressada, eu realmente amo assar algo ou apenas fazer biscoitos. Isso ajuda.” [Risos]

 Amigos e Fam-ília

Você já reparou que seus fãs estão mudando do início de sua carreira até agora?

“Eles se tornam mais unidos com o passar dos anos – eles parecem ser uma entidade, eles até mesmo se deram um nome. Eles se chamam Swifties! Eles se comunicam um com o outro em todo o mundo e planejam coisas como um grupo. Eu acho que isso é uma das coisas mais legais que eu vi acontecer por conta própria. Eles tipo tem crescido comigo e eu sinto que nós passamos por todas essas fases diferentes juntos e nós ficamos juntos. Então, é um tipo de sentimento que está forte como jamais esteve antes.”

E nós notamos que a fã base da sua gata Meredith está se expandindo rapidamente…

[Fica animada] “É louco! Quer dizer, é um gato, sabe? É muito engraçado porque eu quis muito ter um gato por tanto tempo, e quando finalmente consigo um, ela acabou por ser essa fofa, adorável gatinha que faz truques e também viaja.”

Ela vai a todo lugar com você?

“Ela vai, e ela simplesmente não se importa. Ela não é uma gata exigente, é tranquila. É muito engraçado porque tinha uma pesquisa online dos 100 ícones da cultura pop, e ela era o número um! Eu queria muito falar a língua dos gatos e poder contar pra ela, mas ela só estava lá, brincando com um novelo de lã, ela não faz ideia.” [Risos]

Oh, Deus a abençoe! Você vive na sua própria casa agora. A Selena lhe comprou algum presente para o conforto doméstico?

“Ela realmente fez. Ela gravou um filme em Budapeste e me trouxe este velho e ornamentado relógio de madeira antiga. Ela o comprou numa feira de rua, e o colocou no armário que está bem na minha porta de entrada e ficou lá desde então. É muito bonito. ”

Ela te conhece o suficiente para saber encontrar coisas que você irá amar?

“Ela me conhece muito bem, bem o suficiente para saber o que eu vestiria, o que eu gostaria de ter em casa, que vela eu gostaria de ter… Quando você é tão próximo de alguém por tanto tempo, essa pessoa tende a saber de tudo que você gosta.”

Falando em estar próxima, nós vimos que você tem saído muito com Conor Kennedy ultimamente…

“Sabe, eu não costumo responder detalhadamente questões pessoais porque eu passo tudo para minha música, e ‘Quem você está namorando no momento?’ é uma pergunta que eu tento evitar ao máximo.” [Risos]

OK… Então o que você diria para garotas que possam estar preocupadas em namorar caras mais novos?

“Há uma regra geral que eu sempre sigo, que é que você se apaixona por quem quer se apaixonar. Qualquer questão pequena na qual você se prender – se ele é mais baixo, mais novo ou mora longe – se você está realmente louca por uma pessoa, nada disso importa.”

Você deve achar que vários caras são mais baixos que você…

“Eu nunca realmente levei isso em consideração – você só varia o tamanho do seu salto, dependendo da altura do garoto com quem você está.” [Risos]

Você parece ser uma “garota de garotas”, que é uma das coisas que nós realmente gostamos em você. As relações femininas são importantes pra você?

“Obrigada! É muito importante pra mim ter amigas meninas, e muitas, porque eu não sou o tipo de pessoa que pode enfrentar os problemas sozinha. Eu preciso ligar para as minhas amigas e falar de tudo. Minhas amigas ouvem sobre absolutamente todas as questões que eu encaro e me ajudam a passar por elas, então é muito importante ter várias amigas garotas.”
O relacionamento da Selena está sempre na mídia. Você dá conselhos para ela?

“Nós não falamos sobre relacionamentos no sentido de mídia e imprensa, ‘Como eu lido com o olho do público?’. Quando Selena e eu conversamos,  é sobre a vida e o amor de uma maneira simples, a mesma coisa que você conversaria com sua amiga sobre a vida dela e relacionamentos. Nós nunca levamos em consideração toda a situação dos holofotes. Nós nunca falamos sobre essa parte. É apenas o nosso trabalho – quando nós não estamos em sessões de fotos ou tapetes vermelhos, nós só queremos conversarr sobre a vida.”
Vocês alguma vez sentem inveja uma da outra?

“Você nunca sente inveja de verdadeiros amigos e eles nunca sentem inveja de você, porque se você tem uma amizade verdadeira, nunca haverá um ar de competição nela. Você está sempre comemorando por eles, sempre feliz por eles, sempre por perto torcendo por eles. Minhas amigas próximas… eu tenho sido bem próxima da Selena e da Emma Stone desde que tinha 17 anos, e quando você é amiga de uma pessoa por tanto tempo e você passa por muitas mudanças junto com ela, e sua vida muda em 100% e ela ainda está lá, se torna mais uma irmandade.”

A Emma ainda é sua amiga mais engraçada?

“Ela sempre será a mais engraçada! Não há ninguém mais divertido do que ela.”

Alguma das suas colegas já colocou um garoto na frente das amigas?

“Sempre há um risco de, se alguma de nós começarmos a namorar, você vai vê-la com menor frequência. Mas eu acho que eu também faço isso, então sempre que uma amiga está namorando e eu não ouço tanto dela, eu me lembro que eu faço a mesma coisa quando estou apaixonada, e como todo mundo tem potencial para se apaixonar e sumir para os amigos. É algo que nós todos meio que fazemos.”

Tipo quando você vê pessoas se beijando quando você está solteira e você fica tipo ‘Que nojo!’

[Risos] “E você fica tipo ‘Bem, eu estaria fazendo isso também se eu tivesse um namorado!”
Você tem alguma amiga que não tem muitas outras amigas mulheres?

“Sim! Existem muitas garotas assim! Quero dizer, elas são garotas que gostam de ter amigos homens. Eu tenho amigos, mas eu preciso de garotas por perto. Eu preciso sair pra fazer compras com alguém, alguém que goste de vestidos tanto quanto eu, alguém que ache legal passar o tempo cozinhando e se divertir falando de garotos e amor e sentimentos, porque a maioria dos meus amigos homens não são muito de fazer isso. Eles se cansam de falar de sentimentos depois de cinco minutos!”

Você confia nesse tipo de garota perto do seu namorado?

“Eu tendo a confiar no meu namorado, não importa a situação. Porque se eu não posso confiar nele e tenho a sensação de que algo não está certo, então, provavelmente é um problema maior na relação do que qualquer garota com quem ele esteja saindo.”

Todo mundo sempre culpa a garota…

“Todo mundo sempre culpa a garota e eu acho que isso não está certo, porque se o seu namorado está te passando estas vibrações e você não pode confiar em garotas perto dele, talvez ele seja a pessoa em quem você não deve confiar.”

Você alguma vez olha para alguma amiga bem amada e deseja ter um relacionamento como aquele?

“Falo por mim, acho que eu e minhas amigas precisamos de tipos diferentes de namorado. Nenhuma amiga  minha ia precisar do tipo de garoto que eu preciso. E nenhuma amiga minha precisa das mesmas coisas do namorado que outras garotas precisam dos delas. Minhas amigas são todas diferentes quando se trata de relacionamentos – é bem divertido assim, e nós nunca acabamos gostando do mesmo cara ao mesmo tempo. Isso seria horrível.”

Com todas suas maravilhosas amigas e tantas coisas acontecendo na sua vida, você ainda é aberta à novas amizades?

“Sim! Eu faço novos amigos o tempo todo, amo fazer novos amigos! Sinto que você nunca pode parar de aprender, e nunca pode parar de fazer amigos. É muito divertido.”

Tradução e adaptação: Louise e Ana Luiza – Equipe TSBR





Twitter do site

Facebook do site

Scroll Up