Com o GRAMMYs 2022 se aproximando, começaram alguns rumores de quais foram as submissões dos artistas e gravadoras à premiação. A Variety fez uma matéria explicando que tecnicamente isso deveria ser um segredo, mas como há mais de 11.000 votantes na Recording Academy algumas coisas acabam sendo descobertas. O veículo então procurou se informar e compartilhou o que se sabe até o momento sobre as submissões de Taylor, confira abaixo:

A Taylor entrou em alguma categoria de gênero além de pop, ou submeteu alguma música além de “willow”?

Essa é uma resposta fácil – não – para ambas as perguntas. Houve especulação de que Taylor poderia tentar colocar algo tipo “cowboy like me” do álbum evermore em uma categoria de música country, mas não foi o caso. E ela já confirmou que não iria submeter nada da regravação de um de seus álbuns country anteriores Fearless (Taylor’s Version) para a premiação. Então apenas “willow”.

Ah, ela aparece nas urnas como artista convidada do grupo Big Red Machine, de seu colaborador frequente Aaron Dessner. A música “Renegade” foi submetida para Gravação do Ano e Música do Ano. Além disso, Haim submeteu a versão remix de “Gasoline” que foi refeita para dar a Taylor um verso creditado para ser elegível para Música do Ano, mas Taylor não acrescentou composição na faixa, então ela não entraria nos indicados (A música não foi submetida para Gravação do Ano, o que Taylor estaria inclusa nesse caso).

  • Há também uma suposta lista circulando pela internet

No dia 23 de novembro saberemos quais são os indicados ao GRAMMYs 2022. A premiação ocorrerá no dia 31 de janeiro.





Twitter do site

Instagram do site

Facebook do site