isTaylor Swift concedeu uma entrevista a revista britânica InStyle U.K., onde fala de seus medos. Confira um trecho traduzido:

Seguida da interessante entrevista para a Vanity Fair, Swift está se abrindo para a InStyle U.K. sobre seus medos de ser uma das mulheres mais famosas no planeta.

“O que eu me preocupo é que eu nunca quero acabar virando um ser humano egocêntrico, fútil,” diz a jovem de 23 anos. “O típico clichê triste de Hollywood da pobre coitada e sozinha estrela que acaba sem ninguém porque ela criou todas essas paredes e não confiou em ninguém. Esse é meu medo. E é por isso que eu vivo a vida do jeito que vivo, porque eu prefiro muito mais sentir tudo do que terminar assim.”

Swift continuou:

“Eu não quero terminar sendo horrível e intolerável. Sozinha. Deitada em uma banheira de mármore sozinha, tipo triste, com uma taça de vinho só reclamando que minha vida acabou sendo solitária porque eu afastei todo mundo já que eu pensava que era boa demais pra sair com qualquer pessoa.”

Por isso que Swift diz que tem “20-25 grandes amigas” (mas só “dois ou três amigos” porque amizades com o sexo oposto são “complicadas”).

Swift disse à Vanity Fair que não seria certo descrevê-la como louca por garotos e desesperada, e ela fala a InStyle U.K. que ela nem tem certeza se quer ter uma família algum dia.

“Eu não tenho um plano principal,” Swift diz. “Eu já pensei que tivesse um cenário dos sonhos antes, mas acaba que eu mudo meus pensamentos e que essencialmente aos 20 e poucos anos todas as peças do seu quebra-cabeça são jogadas para o ar e que elas só caem em qualquer lugar e eu acho isso saudável.”

Em breve postaremos a entrevista completa traduzida! Também confira as fotos para a revista na nossa galeria!

Fonte: Yahoo





Twitter do site

Facebook do site

Scroll Up