24 de janeiro de 20 Autor: Maria Eloisa Barbosa
Miss Americana recebe críticas positivas no Sundance Festival

O novo documentário de Taylor Swift está recebendo as primeiras críticas positivas após sua estreia no Sundance Film Festival.

Miss Americana foi aplaudido de pé no festival de cinema, como pode ser visto em um clipe compartilhado pela Variety.

O documentário mostra a carreira e a vida pessoal de Swift nos últimos anos e será lançado em alguns cinemas selecionados e na Netflix na sexta-feira, 31 de janeiro.

Os críticos elogiaram o documentário, com Adam Chitwood, da Collider, chamando de “uma história fascinante e sincera de como uma artista incrivelmente famosa que foi treinada para ser gentil e inofensiva reconcilia seu crescimento como um ser humano político e feminista aos olhos do público”.

Anna Menta, da Decider, disse que, embora os fãs de Taylor Swift gostem de Miss Americana, “eu também acho que este filme vai trazer alguns haters”.

Leigh Blickley, do HuffPost, chamou o filme de “íntimo, engraçado, triste e comovente”.

Ramin Setoodeh, da Variety, disse que era um “retrato esclarecedor e empoderador de Taylor Swift em um momento decisivo em sua carreira”.

Outros críticos rasgaram elogios, com Chris Evangelista, do Slash Film, qualificando-o como “um prazer para a multidão de dinamite” e Leah Greenblatt, da Entertainment Weekly, dizendo que era “o tipo de percepção que você realmente deseja sobre uma estrela”.

Miss Americana é dirigido por Lana Wilson, que fez os aclamados documentários After Tiller (2013) e The Departure (2017).

O documentário analisa a jornada de Swift para se posicionar politicamente e revela detalhes sinceros sobre suas lutas contra um distúrbio alimentar.

Matéria publicada pela Evening Standard e traduzida pela Equipe TSBR.






Twitter do site

Facebook do site

Scroll Up