Taylor Swift luta contra sua antiga gravadora com seus últimos lançamentos
22/05/2020
Taylor Swift luta contra sua antiga gravadora com seus últimos lançamentos

Há menos de um mês, um álbum inédito de uma gravação ao vivo de Taylor Swift foi lançado, mas não recebeu a fanfarra que suas coleções costumam deslumbrar. Em vez disso, ninguém parecia particularmente empolgado com o lançamento, e agora pouco tempo depois, a cantora e compositora compartilhou outro álbum de músicas ao vivo, só que dessa vez ela fez isso em seus próprios termos e ela está muito, muito mais feliz com o produto final.

O álbum Live from Clear Channel Stripped 2008 chegou em meados de abril e, embora um novo produto geralmente seja motivo para comemoração, a super estrela se esforçou para se distanciar do cenário e até o denunciou. Aparentemente, a coleção de 8 músicas, gravadas em 2008 enquanto ela promovia o álbum ‘Fearless’ com a rádio conglomerada Clear Channel, foi agendada para ser lançada sem que ela soubesse.

O catálogo antigo de Swift foi vendido recentemente por sua antiga gravadora Big Machine Records e agora pertence a Scooter Braun e a vários investidores. Eles têm o direito de liberar o que fez parte do acordo sempre que quiserem, com ou sem a permissão da cantora ou mesmo sem mencionar os planos para ela.

Live from Clear Channel Stripped 2008 foi o primeiro do que pode ser muitos lançamentos futuros de seu material antigo e de faixas inéditas, mas não teve um bom desempenho. Apesar do fato de Swift ser uma das figuras mais populares na indústria da música, o álbum não vendeu ou teve streams suficientes para entrar em qualquer parada da Billboard.

Pouco tempo depois dessa briga pública e do fracasso de seu álbum ao vivo, Swift deu aos fãs mais músicas, mas as coisas certamente vão melhorar dessa vez.

Imediatamente depois que seu concerto especial ‘City of Lover’ foi ao ar na ABS alguns dias atrás (está disponível no Hulu e na Disney+ para aqueles que não conseguiram assistir), foi disponibilizado meia dúzia de novos singles em todas as plataformas, dando aos seus seguidores algumas de suas canções mais populares do seu último álbum ‘Lover’. As faixas- “Daylight”, “Death By a Thousand Cuts,” “Lover,” “Me!,” “The Archer” e “You Need to Calm Down”- juntam-se ao lançamento anterior de “The Man”, que foi disponibilizado em fevereiro. Todas essas faixas foram gravadas durante um show especial no Teatro L’Olympia em Paris em setembro do ano passado.

Os novos singles ao vivo de Swift já estão em um começo melhor do que o álbum lançado no mês passado, pois não há controvérsia em torno deles. A vencedora do Grammy estava no controle de todo esse projeto, e essas músicas são a maneira dela de revidar e mostrar que agora ela está no comando de sua própria carreira. As faixas são instantaneamente mais atraentes, com capas melhores e o fator surpresa, tornando-as muito mais especiais para os fãs.

A ex-cantora country no topo das paradas pode não ter voz no que os outros fazem com suas gravações anteriores, mas é maravilhoso ver como Swift escolhe provar que está agora no banco do motorista, sempre com um pouco de sombra para aqueles que ela sente que a prejudicou.

Matéria publicada pela Forbes e traduzida pela Equipe TSBR.

2009 - 2020 Taylor Swift Brasil - todos os direitos reservados. Desenvolvido por Marcelo Monteiro | Erika Barros online
Scroll Up
error: Content is protected !!