A revista Rolling Stone publicou uma matéria nesta semana para falar sobre a boa recuperação da indústria de shows que está acontecendo com os Estados Unidos. Taylor vem como destaque da matéria e não deixou de comentar sobre ela em seu Twitter

Obrigada por querer ir a shows, pessoal. Vocês são inacreditáveis.

Com Taylor Swift liderando o caminho, conquistando mais de 110 milhões com sua turnê norte-americana, o setor de shows parece que voltou a crescer após uma queda no verão de três anos atrás. Ao todo, o rendimento com ingressos pulou de 1.7 bilhão em 2000 para 5.1 bilhões no ano passado, de acordo com a lista de fim de 2013 da Pollstar. Os números são especialmente encorajadores para os fãs, já que a média dos preços dos ingressos cresceram apenas 1.1, para $69,52. Em partes, os preços estavam baixos por causa de turnês como Swift, cuja a média de preços era de 84,40 dólares, em segundo, Bon Jovi, que conquistou 107 milhões com média de 95 dólares.

A turnê mais cara do top 50 da Pollstar foi a da banda Rolling Stones, que tocaram apenas 18 shows (comparados aos 66 da Swift) e tiveram uma média de 228 dólares por ingresso. Mesmo com os publicitários promovendo tudo o que podiam no verão de 2010, quando artistas como Rihanna e Jonas Brothers fizeram com seus ingressos fossem caros e acabaram cancelando shows por conta da baixa procura, o ramo de shows parece ter contido esse problema. A economia americana ainda está se recuperando da recessão, mas artistas em turnê, em sua maioria, mantiveram os custos razoáveis. Estrelas country em especial, Kenny Chesney (Número 3) conquistou 91 milhões de dólares com uma média de 77 dólares por ingresso, Jason Aldean (Número 11) fez $51 milhões com uma média de $48 e Luke Bryan (Número 15) conquistou mais de $44 milhões com ingressos super baratos a 40 dólares.

O resto do top 10 inclui: Beyonce ($76 milhões, $119 média), Jay-Z e Justin Timberlake ($69 milhões, $111, apenas 14 shows), Fleetwood Mac ($67 milhões, $111), Pink ($63 milhões, $82), Eagles ($60 milhões, $127) e Justin Bieber ($56 milhões, $78). Pollstar notou que artistas jovens – includindo One Direction, Bryan, Zac Brown Band e Bruno Mars – entraram no Top 20 pela primeira vez e podem estar se preparando para tirar a lista das mãos dos mais velhos, que dominaram a lista nos últimos 10 anos.





Twitter do site

Facebook do site

Scroll Up