Após seus últimos quarto álbuns de estúdio terem conseguido vender mais de 1 milhão de cópias apenas na semana de lançamento, a grande pergunta dos especialistas para o lançamento do “Lover” é: ela conseguirá de novo?

Ela, é claro, é Taylor Swift , cujo novo álbum altamente esperado, “Lover”, chega às lojas na sexta-feira com algumas expectativas muito grandes para alcançar. Confira a análise do portal Hits Daily Double:

Seus quatro álbuns anteriores estrearam com mais de 1 milhão em vendas; Swift é a única artista que alcançou mais de um milhão na sua primeira semana de vendas de seus últimos quatro álbuns. 

Três outros artistas lançaram dois álbuns cada um que cruzou o limite de 1 milhão: NSYNC , The Backstreet Boys e Eminem . Mas em um mercado em rápida mudança, ainda é possível para qualquer pessoa – até mesmo Taylor Swift – atingir a marca de um milhão em uma única semana?


Talvez o melhor exemplo de como o mercado mudou pode ser visto na performance dos dois últimos álbuns e Drake, “Views” e “Scorpion” . “Views” vendeu, em 2016, em sua primeira semana 1,04 milhões de unidades em sua totalidade, 852 mil das quais provenientes de vendas de álbuns digitais. Dois anos depois, “Scorpion” estreou com 732k, estabelecendo o recorde para a maioria dos streams de um álbum em uma única semana com 746 milhões, mas vendeu apenas 160 mil downloads, uma perda de 692 mil vendas de álbuns. É aqui que Swift provavelmente enfrenta seu maior desafio.


No final de julho, os downloads de álbuns digitais do YTD caíram 43% em relação ao mesmo período de 2017, alguns meses antes do lançamento do álbum anterior de Swift, “Reputation”. Os downloads digitais representaram 58% da primeira semana do “Reputation” – mais de 700 mil. Não é provável que isso possa ser repetido, como alguns observadores da indústria têm sugerindo que o total digital do “Lover” poderia terminar na faixa de 200-250 mil.


Swift tem fisicamente uma jogada muito forte, em parceria com a Target, como sempre, para lançar quatro versões exclusivas. Mas as vendas físicas caíram 30% desde que o “Reputation” foi lançado, e é pouco provável que as vendas aumentem mais do que o total de números que o “Reputation” conseguiu. A forte venda de sua mercadoria pode ajudar a compensar as perdas de números.


Enquanto as vendas estão afundando, streamings estão recebendo ganhos enormes, quase 80% nos últimos dois anos, conforme os consumidores mudaram pra alguma das muitas plataformas de streaming. Em 2017, Swift reteve o “Reputation” de ser lançado em plataformas de streaming durante suas primeiras duas semanas, fazendo com que só os singles estivessem disponíveis. Isso resultou em apenas 20 milhões de streams, para um equivalente de 13 mil cópias digitais.

Isso alienou os fãs? Talvez não, mas também não os cativou. As faixas divulgadas do “Lover” até agora geraram respeitáveis 250 milhões de streams.

Em comparação, faixas do álbum “thank u, next” da Ariana Grande, tiveram mais de 500 milhões de reproduções nos três meses anteriores da estreia do álbum; o álbum coletou mais 307 milhões de streams em sua primeira semana.

Muitos acreditam que esse é o mínimo que Swift deve alcançar para se aproximar de mais uma marca de um milhão de vendas na primeira semana.

Fonte: HDD.com





Twitter do site

Facebook do site

Scroll Up