Taylor Swift acaba de escrever o novo capitulo de sua nova ”História de Amor”, e ela quer dizer trabalho.

A vencedora de seis Grammys acaba de revelar o nome e a capa de seu novo disco, ”Red”, que será lançado no dia 22 de Outubro. A cantora também debutou o primeiro single do CD, “Never Ever Getting Back Together,” durante um webchat ao vivo hoje diretamente de Nashville, respondendo perguntas feitas ao vivo por fãs. 13 de Agosto foi uma ótima data para o anúncio já que treze é seu número da sorte. Aproximadamente 72 mil pessoas acompanharam o evento online.

Swift disse que decidiu ter ”Red” como nome de seu novo disco porque segundo ela ”é bem simples” e enfatizava as diferentes emoções que ela sentiu nos loucos e ”semi tóxicos” relacionamento que ela teve durante esses últimos dois anos. ”Não há nada bege sobre eles” revela Taylor. A cantora revelou que escreveu ”de 30 à 35” canções para o álbum e minimizou o mesmo para 16 canções que inclui um dueto com o britânico Ed Sheeran.

“Eu estou tão animada para ver a direção deste novo trabalho,” disse Swift, adicionando que relacionamentos ”disfuncionais e ruins podem trazer várias inspirações.”

Seu novo single ”Never Ever Getting Back Together” que é sobre um final infeliz de um relacionamento, foi lançada hoje no iTunes americano e Googleplay. Durante uma sessão de fotos para a Glamour Magazine, Taylor revelou em primeira mão à âncora do ”Nightline”, Cynthia McFadden, que a canção era sobre algo que ela realmente tinha passado.

A entrevista completa da Taylor para o Nightline será transmitida no próximo mês, assim como no Good Morning America.

”Compor ”Never Ever Getting Back Together” foi uma das experiências mais hilárias que já vivi em estúdio, tudo aconteceu tão naturalmente,” Swift revelou.

Swift revelou que a canção ”nasceu” durante uma sessão de estúdio com Max Martin, Johan Shellback e um amigo do seu ex – ela se recusou a citar nomes.

“O amigo do meu ex começou a dizer que ouviu falar que nós estavamos voltando e não era verdade. Quando ele deixou o estúdio, Max e Johan ficaram me perguntando ‘Qual é a história por trás disso?’ e eu começei a contar para eles como foi o rompimento, a volta, o rompimento, a volta, tipo, horrível.”

“Max disse ‘é sobre isso que iremos compor. Nós vamos compor uma canção para essa história”. Eu peguei o violão e começei a cantar ‘we are never’, tudo aconteceu tão rapidamente. Foi muito divertido.”

”Red” é o quarto álbum da cantora e será o sucessor do estrondante ”Speak Now” que tem em seu curriculo dois Grammy pela canção ”Mean”.

 





Twitter do site

Facebook do site

Scroll Up