usweekly2
Como informamos previamente, a nova edição de colecionador da US Weekly fala sobre a vida de grandes divas do country, e Taylor Swift não ficou de fora. Confira a tradução da matéria e os scans da revista:

001.jpg 002.jpg 004.jpg 005.jpg 003.jpg

 

We Are Never Ever Getting Back Together
Huh he calls me up and he’s like, I still love you
And I’m like, I just, I mean, this is exhausting you know
We are never ever getting back together, like ever

Foi um sentimento inacreditável quando eu comecei a perceber que este era um grande hit e estava no rádio o tempo todo. Foi meu primeiro No. na Billboard’s Hot 100, e esta foi a parte mais legal! Eu acho que a razão desta música ter ido tão longe é o humor, como um término — e a música tira sarro disto. Eu acho que as pessoas gostam re rir quando estão cansadas de chorar.

I Knew You Were Trouble
Fãs especulam que o conquistador de mulheres John Mayer inspirou I Knew You Were Trouble, mas ela nunca revelará: “Eu coloco detalhes em minhas músicas, mas nunca primeiros ou segundos nomes!”

A new notch in your belt is all I’ll ever be
And now I see, now I see, now I see,
He was long gone when he met me,
And I realize the joke is on me

“I Knew You Were Trouble é sobre o tipo de perigo que é tão tentador para deixar passar. Algumas pessoas te puxam e, antes de você saber sobre, você ignora todos os sinais de perigo. Eu acho que nessas situações, você espera ser a excessão para a regra. No caso desta música, eu não fui. Eu sempre quis que a música combinasse com as emoções transmitidas na letra. Eu sempre quis refletir diretamente o caos e a intensa emoção fora do controle que eu senti.

22
Em seu encarte, ela revela o nome de suas amigas: a jornalista Claire Kislinger, Dianna Agron de Glee e a estilista Ashley Avignone, assim como Selena Gomez.

We’re happy, free, confused and lonely at the same time
It’s miserable and magical, oh yeah
Tonight’s the night when we forgot about the deadlines, it’s time

Para mim, a música 22 é sobre não ter tudo e estar bem sobre isto. Como quando fala ‘Nós estamos felizes, livres, confusos e solitários ao mesmo tempo,’ isso é sobre ter seus amigos e agarrar chances, sentir vergonha, e se levantar e balançar sua cabeça e rir porque, depois de tudo, você tem 22. Isso é ‘ter 22’ para mim.

All Too Well
Yeah you called me up again just to break me like a promise
So casually cruel in the name of being honest
I’m a cumbled up piece of papel lying here
‘Cause I remember it all, all, all to well

Eu tive a ideia durante os testes de som da Speak Now tour. Eu apenas comecei a tocar esses acordes repetidas vezes. Então a banda me acompanhou, eu comecei no improviso e gravamos isso. Quando eu toquei outra vez, eu disse versos como ‘Você me ligou para terminar como uma promessa, tão casualmente cruel em nome de ser honento’. A maior parte da música foi gravada naquele dia.

Holy Ground
I was remanescing just the other day
While have coffee alone and, Lord, it took me away,
Back to a first-glance feeling on New York time
Back when you fit in my poems like a perfect rhyme

“Eu acho que a maior lição que eu aprendi sobre o amor é que nele não há regras. Você nunca sabe o bastante. Isso é a razão pela qual eu escrevo tantas músicas sobre fases de emoções causadas pelo amor.

The Lucky One
It was a few years later, I showed up here
And they still tell the legend of how you disappeared
How you took the money and your dignity, and got the hell out

“The Lucky One é inspirada em várias pessoas diferentes que se tornaram estrelas e a cada passo que davam, pessoas diziam que elas eram sortudas. Mas há satisfação nesta música, e é a reviravolta no final onde você percebe que a garota que fugiu de tudo isto para viver uma vida real é a verdadeira sortuda. Eu não sei como meu futuro será, mas eu espero que eu saiba envelhecer graciosamente e sair dos holofotes. Eu espero ter um final feliz.

Tradução e Adaptação: Daniel Dami – Equipe Taylor Swift Brasil & Portal Swift





Twitter do site

Facebook do site

Scroll Up