12 de outubro de 10 Autor: Erika Barros
Ouça ‘Back To December’ !

Ouçam a seguir a mais nova música da Taylor Swift pra contagem recressiva de seu CD Speak Now. A música lançada hoje é “Back To December”. Cliquem em Leia Mais para conferir a letra e a tradução feita pela Aline.

I’m so glad you made time to see me
How’s life? Tell me, how’s your family?
I haven’t seen them in a while
You’ve been good; busier than ever
We small talk, work in the weather
Your guard is up and I know why
Cause the last time you saw me
Still burns in the back of your mind
You gave me roses and I left them there to die

So this is me swallowing my pride,
Standing in front of you saying
I’m sorry for that night
And I go back to December all the time,
It turns out freedom ain’t nothing but missin’ you
Wishing I’d realized what I had to blow that night
And I go back to December, turn around
And make it all right
I go back to December all the time

These days I haven’t been sleepin’,
Stayin’ up playing back myself leavin’,
When your birthday passed
And I didn’t call, then I think about summer,
All the beautiful times,
I watched you laughin’ from the passenger side
And realized I loved you in the fall
And then the cold came,
With the dark days when the fear crept into my mind
You gave me all your love
And all I gave you was goodbye

So this is me swallowing my pride,
Standing in front of you saying
I’m sorry for that night
And I go back to December all the time,
It turns out freedom ain’t nothing but missin’ you
Wishing I’d realized what I had to blow that night
And I go back to December, turn around
And change my own mind
I go back to December all the time

I miss your tan skin, your sweet smile,
So good to me, so right
And how you held me in your arms
That September night;
The first time you ever saw me cry
Maybe this is wishful thinking
Probably mindless dreaming
If we loved again, I swear I’d love you right
I’d go back in time and change it but I can’t
So if the chain is on your door I understand

But this is me swallowing my pride,
Standing in front of you saying
I’m sorry for that night
And I go back to Decembe,
It turns out freedom ain’t nothing but missin’ you
Wishing I’d realized what I had to blow that night
I go back to December, turn around
And make it all right
I go back to December, turn around
And change my own mind
I go back to December all the time

All the time

Tradução

Estou feliz que você tenha arranjado tempo para me ver,
Como está a vida? Me diga, como está sua familia?
Eu não os vejo há um tempo
Você está bem, mais ocupado que nunca
Nossa conversa é curta, baseada no tempo (chuva, sol…)
Sua guarda está armada e eu sei o porquê
Porque a última vez que você me viu,
ainda está na sua memória
Você me deu rosas e eu as deixei morrer

Então, essa sou eu engolido meu orgulho
Na sua frente, dizendo
“Me desculpe por aquela noite”
E eu volto a dezembro toda hora
Acabou sendo que liberdade não significa nada mais do que sentir sua falta
Querendo que eu percebesse o que eu tinha para “detonar” aquela noite
E eu volto a dezembro, volto atrás
E faço isso certo
Eu volto a dezembro toda hora

Esses dias eu não tenho dormido
Ficando acordada relembrando minha partida
Quando o seu aniversário passou
E eu não liguei, então eu penso no verão,
E todos os momentos bonitos
Eu te olhava rir do banco do passageiro
E eu percebi que te amava no outono
Então o frio chegou,
Com os dias escuros quando o medo aterrorizava a minha mente
Você me deu todo o seu amor
E tudo o que eu te dei foi um “adeus”

Então, essa sou eu engolido meu orgulho
Na sua frente, dizendo
“Me desculpe por aquela noite”
E eu volto a dezembro toda hora
Acabou sendo que liberdade não significa nada mais do que sentir sua falta
Querendo que eu percebesse o que eu tinha para “detonar” aquela noite
E eu volto a dezembro, volto atrás
E mudo as minhas ideias
Eu volto a dezembro toda hora

Sinto falta de sua pele bronzeada, seu sorriso doce,
Tão bom para mim, tão certo
E como você me mantinha em seus braços
Naquela noite de setembro
a primeira vez em que você me viu chorar
Talvez isso seja um pensamento presunçoso
Talvez seja um sonho bobo
Se nos amassemos de novo, eu juro que te amarei certo
Eu voltaria no tempor e mudaria, mas eu não posso
Então se há uma corrente em sua porta eu entendo

Então, essa sou eu engolido meu orgulho
Na sua frente, dizendo
“Me desculpe por aquela noite”
E eu volto a dezembro toda hora
Acabou sendo que liberdade não significa nada mais do que sentir sua falta
Querendo que eu percebesse o que eu tinha para “detonar” aquela noite
E eu volto a dezembro, volto atrás
E faço isso certo
E eu volto a dezembro, volto atrás
E mudo as minhas ideias
Eu volto a dezembro toda hora





Twitter do site

Facebook do site

Scroll Up