Mary’s Song (Oh My, My, My)

Ela disse, eu tinha sete anos e você tinha nove
Eu olhei pra você como as estrelas que brilhavam
No céu, as lindas luzes
E nossos pais costumavam brincar sobre nós dois
Crescendo e se apaixonando e nossas mães sorriam
E giravam seus olhos e diziam oh meu, meu, meu

Leve-me de volta para a casa-da-árvore no quintal
Diziam que você ia me bater, você era maior que eu
Você nunca bateu, você nunca bateu
Leve-me de volta para quando o mundo era apenas uma quadra
Eu te desafiei a me beijar e corri quando você tentou
Apenas duas crianças, eu e você…
Oh meu meu meu meu

Eu tinha 16 quando de repente
Eu não era mais aquela garotinha que você costumava ver
Mas seu olhos ainda brilhavam como lindas luzes
E nossos pais costumavam brincar sobre nós dois
Eles nunca acreditaram que nós realmente poderiamos nos apaixonar
E nossas mães sorriam e giravam seus olhos
E diziam oh meu meu meu…

Leve-me de volta ao leito do riacho que nós pulavamos
Duas da manhã dirigindo na sua caminhonete tudo que eu preciso é você perto de mim leve-me de volta para a hora que nós tivemos nossa primeira briga o bater de portas ao invés de um beijo de boa noite você ficou do lado de fora até amanhecer
Oh meu meu meu meu

Alguns anos e nós estavamos de volta
Nós estavamos sentados no nosso local favorito da cidade
E você olhou pra mim, se abaixou em um joelho

Leve-me de volta para a hora que nós andamos pelo corredor da Igreja
Nossa cidade inteira veio e nossas mães choraram
Você disse: Eu aceito. E eu também disse
Leve-me pra casa onde nós nos conhecemos tantos anos atrás
Nós criaremos nossos bebês no alpendre da frente
Depois de todo esse tempo, eu e você

Eu estarei com 87 anos; você terá 89
Eu ainda olharei pra você como as estrelas que brilham no céu
Oh meu meu meu…