Um concurso que levaria um fã para conhecer Taylor Swift nos bastidores de um dos shows da turnê americana da estrela, precisou ser cancelado, depois que um homem de certa idade e um tanto quanto estranho chamado Charles assumisse a dianteira da competição, graças a uma campanha feita através das redes sociais.

O concurso para que se descobrisse “o maior fã de Taylor Swift” foi feito pela Kiss 108 FM de Boston. Mas tudo foi por água abaixo quando uma pessoa que se dizia amiga do tal “Charles” começou uma campanha para que ele levasse o prêmio.

O anônimo escreveu que seu amigo “esquisito de 39 anos adoraria esmagar os sonhos de todas garotinhas (que estavam participando do concurso) e também cheirar o cabelo de Taylor Swift – porque ele curte esse tipo de coisa.”

O texto então pedia votos para que Charles fizesse “um completo idiota dele mesmo”, ao cheirar o cabelo da cantora com “as câmeras rolando.” Como era de se esperar, não levou muito tempo para que ele tomasse a dianteira na competição.

Verdade seja dita, o perfil de Charles só dizia que ele “era um homem de 39 anos que adorava a Taylor e não se importava se adultos e crianças rissem dele por causa disso.”

Por via das dúvidas,  a emissora decidiu acabar com a promoção, dizendo que os resultados haviam sido “seriamente comprometidos.”

Fonte: Vagalume

Lembrando que essa não é a primeira vez que uma campanha é feita na internet para “zuar” a Taylor. Ano passado, foi feita uma votação entre escolas americanas para receber uma apresentação da Taylor, e algumas pessoas mobilizaram outras para votar em uma escola para deficientes auditivos.





Twitter do site

Facebook do site

Scroll Up